Bem vindo ao noProvadoR.com

Este blog foi criado para tirar dos cabides pensamentos que devem ser experimentados. Não tenha receio de entrar neste ProvadoR que se propõe a ser amplo e livre de preconceitos. Entre. Prove. E fique à vontade para Levar o que quiser.
 

Arquivo de Dezembro, 2009

14 de Dezembro de 2009 - 10:54

Felicidade


felicidade2-copy.jpg

Não tem receita
Aprende tentando, quebrando a cabeça.
E o ponto é incerto
Mas não tem segredo, é só mistério.

É também coisa clandestina, secreta e íntima
Não faz morada
Se refugia
Estala
Dá e passa.

Problema é quando gente tenta amarrá-la
E mete na cabeça que tem que ser…
Aí, não existe pior cilada.

Sim, miss tem-que ser bonita
Palhaço tem-que ter alegria
Artista tem-que viver a fantasia
Apresentador de TV tem-que ser entusiasmado
Mas, feliz de verdade
Ninguém é obrigado.

Mesmo quando se é o dono dos ovos dourados
Quando são perfeitos no cenário, casa, casamento, carreira e carros
Quando tudo parece ser o oposto do errado
E lhe é imposto um largo sorriso estampado
Ter-que ser feliz é um troço complicado.

Ora, se sua maior virtude é ser instável
Ser um imprevisto memorável
Uma surpresa
Um delicioso espasmo
Então, tentar aprisioná-la é preparar para si uma armadilha

Não adianta construir um trono dourado repleto de almofadas
Ela não sabe ficar sentada
Não gosta de gente exigente
Se recusa a ser domada
E não costuma dar o ar da graça quando é obrigada.

É caprichosa e não oferece garantias
Prefere os que por ela arriscam tudo
Desafiam a correnteza, sobem no palco, gritam ‘eu te amo’
E compram passagem só de ida para o mundo.

Mas é também gentil, cotidiana e miúda
E estala no perfume da canja e da casa arrumada
No calor do banho, do café, do beijo e da cama
No abraço do filho suado
No pudim que deu certo
No amigo, no chocolate e no caramelo.

Está em você e em mim
Dia não, dia sim.
Em rebuliço, em repouso
Murmurado, exclamado
Na praia, na sorveteria, no silencio do quarto
Só um pouco ou muito intenso -
Pelo lado de dentro.

Para quem comemora diariamente
O contrário da morte
Felicidade é o sucesso da sorte.

Maria Sanz Martins



comentários (10)  
5 de Dezembro de 2009 - 18:27

tum-tum


*from En kärlekshistoria
(a swedish love story)

tum-tum
tum-tum tum-tum
tum-tum-tum-tum-tum-tum-tum-tum-tum-tum-tum-tum-tum-tum-tum-tum-tum
tum-tum tum-tum
tum-tum



comentários (3)